24 de set de 2010

Nós


Amanhã com a primavera
Voltarei a quem me espera,
sem pudor e sem receio.
As lembranças rosas vivas
florirão em nossas vidas
ao calor do nosso anseio.

Deixarei o sofrimento
longe do teu pensamento
e dos teus olhos risonhos.
Então na paz do deserto
do nosso sacrário aberto
brotarão os nossos sonhos.

Nossa vida será assim,
um paraíso sem fim,
com luar para nós dois.
Nascerão nossos desejos
entre carícias e beijos
na luz que virá depois.

Luz que nos empolga, fascina
com harmonia e carinho.
Doce luz que brevemente 
será sombra eternamente
por todo nosso caminho.

Trocaremos diretrizes,
seremos os dois felizes,
sentiremos as fragrâncias.
Viveremos lado a lado,
e resgatando o passado
sepultaremos distâncias.

(Sarah Rodrigues, Poemas para minha aldeia)

Nenhum comentário: